quarta-feira, 23 de março de 2011

A cereja no topo do bolo

Quando o dia foi mau vem alguém amigo que faz o jeitinho e põe a cereja no topo do bolo. Ao que parece, ser bissexual é muito mais aceitável e muito menos repugnante que ser homossexual.
Óptimo saber, não é?! Fiquei deliciada. Yummi. Que notícia docinha. Agora fico a saber que, para além de ser nojenta por ter uma namorada, ainda sou mais nojenta porque só gosto de meninas. Ao que parece é preciso gostar de pilinhas para ser considerada gente.
Se calhar tenho que repensar a minha vontade de votar Sócrates nas próximas eleições, right? Porque só gente pode votar. Ou será que conto 1/4 de voto?
Voltámos à Roma Antiga.
Papoila

6 comentários:

Candy disse...

enfim. è o preconceito. qualuqer dia é mais aceitavel aos olhos dessas pessoas ser prustituta do que ser homossessual. enfim.

beijo doce as duas.

eu acredito que nos ainda vamos mudar esta mentalidade tacanha dos portugueses.

um quarto para duas disse...

Não ligues a esses comentários! Quem os faz é que não é gente, nem merece o nosso respeito.

Aie aie, essas cabecinhas pequeneninas (mesmo pequeninas) e atrasadas, tiram-nos mesmo do sério... enfim!

Beijinhos para as duas

Paula Antunes disse...

Não sei onde o teu amigo foi buscar essa ideia, mas GARANTO-TE que ser bissexual é muito mais mal visto. E a bifobia vem dos heteros e dos homossexuais.

Beatrix Kiddo disse...

gostar de alguém a sério é uma coisa rara e difícil (pelo menos para mim), quando se gosta, há que aproveitar. tudo o resto são detalhes sem importância

Nikkita disse...

É frustrante, mesmo. Mas não te prendas com comentários de pessoas mesquinhas. Há-de sempre haver alguém com algo negativo a dizer.... STAY STRONG!

Anita disse...

Negativismo só ajuda na procrastinação.. Há que vivermos a vida com a cabeça erguida, se o somos, vivamos com a mesma dignidade.