domingo, 24 de agosto de 2014

Istambul

Em maio recebi um convite irrecusável: a minha amiga turca convidou-me a mim e à Papoila para ir ao seu casamento em Istambul! Sempre tive muita curiosidade em conhecer a cidade e, visto que uma semana depois do casamento a minha amiga ia emigrar para os Estados Unidos, achei que tinha mesmo de aproveitar o convite!
Foi uma viagem fantástica e no timing perfeito. O cansaço e a tristeza já se faziam notar e era a altura ideal para mudar de ares. E foi a cidade ideal.
Dos comentários que ouvimos de quem por lá já tinha andado, percebemos que era uma cidade que ou se odiava ou se adorava. E como a adorámos. A paisagem, a comida, as pessoas, as mesquitas, a música de rua, os gatos, o chamamento, o cheiro a especiarias, o chá... Não tenho tempo para vos descrever tudo o que gostaria, queria apenas contar-vos o quão importante foi esta viagem. Ali nas alcatifas das mesquitas, respirei fundo, pensei na vida, dei graças por aquilo que tinha e senti-me bem, como havia muito não me sentia.
E depois o casamento... A minha amiga é muçulmana, faz as rezas, conhece o Corão, cumpre o ramadão. Contei-lhe que namorada com um rapariga há 5 anos, quando nos tornámos amigas no meu intercâmbio de Verão. Na altura ficou abalada, disse-me que eu tinha mudado o mundo dela porque nunca julgara cruzar-se com alguém como eu. E é uma cultura diferente, compreendo o choque. Mas a verdade é que, 5 anos depois, convida-me a mim e à Papoila para o seu casamento. É incrível. E ficou tão grata por termos ido, agradeceu muito, assim como a sua família e o noivo. Eramos as portuguese girls, que fizeram mais de 3000km para ali estar. E que honra poder partilhar este momento com ela. Dançar "à turca", ouvi-la cantar, ver o seu vestido lindíssimo, comer do melhor e pôr a conversa em dia. Sabem... há esperança no mundo.
 
 
 
Orquídea

1 comentário:

F!l disse...

O mundo está a mudar aos poucos :) Enquanto há vida há esperança :) bjinho grande as duas :)


(adoro a vossa historia :D ) *