domingo, 24 de agosto de 2014

Trabalho e férias

Estou tão desejosa de tirar férias... O trabalho tem sido duro e por vezes difícil de gerir. São as histórias difíceis, os doentes que descompensam mas também os chefes que não sabem liderar ou motivar, os colegas que não colaboram e o cansaço acumulado. Muito cansaço. Tive um período muito complicado, em que me sentia muito infeliz, incapaz, exausta, em que comecei a questionar a minha vida. Felizmente soube pedir ajuda e sinto-me melhor nesta altura. De qualquer forma preciso de férias.
A Papoila também, claro. Assim que iniciou este estágio avisaram-na logo que não ia poder tirar férias no verão porque era o período de férias dos colegas mais velhos. Portanto, tem andado a aguentar o estágio com muitos doentes e poucos colegas.
Mas com estas limitações, estragaram-nos os planos de férias. Íamos tirar as duas primeiras semanas de Setembro. Eu como já as tinha marcado e era difícil mudar as consultas todas, vou ter essas duas semanas na mesma. Na terceira semana vou a um congresso a Madrid e pensámos... porque não a Papoila ir também? Falei com as colegas com quem ia partilhar casa por lá e concordaram. Eu hei de ir ao congresso, a Papoila vai visitar a cidade e havemos de encontrar tempo para passearmos juntas também. Nem todas as pessoas lá de casa sabem da nossa relação, cheira-me que não vai ser difícil adivinharem, vamos ver como corre.
Como correm as vossas férias?

Orquídea

1 comentário:

Mag Mary disse...

As minhas são a trabalhar! Sempre tenho alguns fins-de-semana de praia, mas não posso queixar, sempre estou a receber pelo que faço e nem tudo é mau :)