terça-feira, 1 de dezembro de 2009

Azeite Serrano

Estes dias aproveitei para uma escapadela à terra do avô. Avô já não está, mas tenho a avó com o seu coração fraco e muita família para aquecer o peito. E, por entre isso, lá vamos apanhando as azeitonas que fazem o azeite que todos usamos... e que nada tem a ver com aquele que se compra lá fora.

Papoila

2 comentários:

Dantins disse...

Em tempos cheguei a apanhar azeitona com o meu avó...
Saudades.

cegonhagarajau disse...

Junto-me ao clube que já apanhou azeitona!
Eu resmungava sempre com o meu pai porque achava que ele fazia a parte mais divertida, pois ficava em cima da árvore e eu tinha de ficar de cú para o ar a apanhá-la do chão.
Hoje em dia já não apanho mas venho sempre carregada de azeite alentejano caseiro para os Açores. É do melhor!
Abraço